Compartilhe

 

Companheiros/as ativos, aposentados e pensionistas, como é de amplo conhecimento, depois de muita insistência e mobilizações, conseguimos, junto à atual gestão da Petrobrás e consequentemente à gestão da Petros, o compromisso da formação de um GT – Grupo de Trabalho para discutirmos uma solução aos Equacionamentos dos Planos Petros do Sistema Petrobrás – PPSPs.

Este GT, composto com as entidades que assinam esta Nota, conjuntamente com os representantes da Petrobrás e da Petros, tem 90 dias para conclusão dos seus trabalhos, podendo ser prorrogado em comum acordo. Sabemos das expectativas e apreensões da categoria em torno deste GT.

Mas, é importante informar que uma das condições para existir o GT é que os seus membros assinem um Termo de Confidencialidade para terem acesso a todas as informações pertinentes para busca de uma solução.

Cabe consignar que buscamos a solução definitiva para todos os Equacionamentos e, também, uma maior participação na gestão dos planos, já que, afinal, somos os verdadeiros donos deste patrimônio e, por fim, buscamos ações mitigadoras que evitem equacionamentos futuros.

Nas três reuniões que tivemos, até a presente data, 19/07/2023, foram discutidos o formato e os prováveis caminhos, bem como os ajustes no citado texto do Termo de Confidencialidade.

Obviamente que não poderemos disponibilizar todas informações e discussões no GT, devido ao Termo de Confidencialidade, mas garantimos que, em se chegando a uma proposta, esta será apresentada para a Categoria deliberar.

Estaremos disponibilizando as informações possíveis a cada passo.

FÓRUM EM DEFESA DOS PARTICIPANTES DA PETROS

Federação Nacional dos Petroleiros (FNP)

Federação Única dos Petroleiros (FUP)

Associação de Mantenedores-Beneficiários da Petros (Ambep)

Confederação Nacional dos Trabalhadores em Transportes Aquaviários e Aéreos, na Pesca e nos Portos (Conttmaf)

Federação Nacional das Associações de Apoesentados, Pensionistas e Anistiados do Sistema Petrobrás e Petros (Fenaspe)


Compartilhe